Início Dicas de Bem-Estar Ayurveda para iniciantes – Repense o seu modo de ser!

Ayurveda para iniciantes – Repense o seu modo de ser!

0
212
Ayurveda para iniciantes
Ayurveda para iniciantes

Índice – Ayurveda para iniciantes 

Sabe aquela sensação de leveza, disposição, alegria e extremo bem estar? Isso ocorre quando tudo em nosso corpo está em equilíbrio e harmonia, você sabe como fazer isso acontecer? Portanto, hoje falaremos de Ayurveda para iniciantes, como manter o corpo saudável e em pleno funcionamento para o nosso bem estar e alegria. 

Podemos dizer que nosso corpo funciona como uma orquestra sinfônica, cada parte é parcela importante do todo, e para que se tenha uma música excelente, todos os instrumentos precisam estar afinados e em harmonia. A Ayurveda para iniciantes entenderem é basicamente um estilo de vida, mas aqui focaremos na alimentação Ayurveda, a fim de entendermos como alcançar uma vida saudável e confortável para nosso corpo.

Você deseja um estilo de vida diferente e que te traga mais prazer, alegria e bem estar? Te indico fazer uma consulta com um espiritualista que pode te ajudar a entender melhor e tomar as decisões certas em relação a sua saúde e bem estar. 

Faça uma consulta e mude a sua vida com cuidado e amor!

Precisamos repensar nossos corpos – Ayurveda para iniciantes  

O que o mundo ocidental afirma sobre corpos é que indiscutivelmente existe um padrão corporal e para alcançar esse padrão é necessário chegar quase a inanição com dietas e regimes absurdamente agressivos para o organismo do ser humano. 

Mas infelizmente a sociedade de consumo e a manipulação de ideias através dos meios de comunicação, fazem muitos acreditarem que seu corpo não está ideal, e que você pode mudar isso parando de comer e bebendo remédios milagrosos. 

No entanto, a Ayurveda vem para desfazer essas crenças destrutivas, com um modo de interpretação e compreensão do corpo como um todo, a Ayurveda para iniciantes, nos faz entender que devemos seguir nossa vida a partir do ciclo da natureza, que tem suas fases, e se renova a cada estação. 

Além disso, nos faz compreender que nosso corpo é microcosmo do macrocosmo, com as mesmas disposições e feitos a partir dos mesmos elementos. Mas partindo do pressuposto que cada corpo é constituído por um grupo de elementos específicos e por isso, para os corpos não cabem generalidades e reducionismos. Cada corpo é um corpo e exige cuidados específicos. 

Mas afinal, o que é Ayurveda?

É um estilo de vida que visa atender as necessidades específicas do corpo, além disso, é um sistema de cura desenvolvido na Índia, como uma medicina curativa que ensina acima de tudo, a prevenção de doenças, ou seja, a cura antes mesmo da doença chegar. 

Seu nome é formado por duas palavras originárias do Sânscrito, são elas: 

Ayur = vida; 

Veda = conhecimento 

Seus significados: Conhecimento sobre a vida; o segredo da longevidade; 

Para Ayurveda o acúmulo de toxinas e coisas não naturais que entram em nosso corpo através da alimentação e ingestão de coisas, são as causas da maioria das doenças que afligem as pessoas do mundo moderno. Por isso existe o cuidado de uma dieta específica para cada biotipo que é estabelecido pela Ayurveda para iniciantes. 

Ou seja, através de uma alimentação consciente, específica, natural e efetiva, pode-se alcançar um nível de bem estar, saúde e leveza no corpo, além da alimentação existem outros processos na Ayurveda que visam o reconhecimento de que seu corpo é um instrumento que você precisa cuidar para que consiga evoluir como ser de luz, mas essa vertente fica para uma próxima vez. 

medicina-ayurveda

Você sabe qual é o seu Dosha? –  Ayurveda para iniciantes

Na Ayurveda para iniciantes, aprendemos que existe uma separação, ou classificação dos corpos através do Biotipo, essa classificação chamamos de Dosha, e lembra muito a classificação que existe na astrologia, por exemplo, na astrologia os elementos são compostos por 3 signos cada um, água tem três signos, terra tem três, fogo, ar, cada signo representa uma classificação por elemento.

Sendo assim, a Ayurveda utiliza esses mesmos elementos, adicionando um que não é comumente citado na astrologia, os elementos são:

Então esses elementos se unem para formar um Dosha, e esse Dosha define o biotipo do indivíduo. Nesse sentido, a Ayurveda parte desse princípio para determinar como cada indivíduo deve se alimentar e quais cuidados o seu biotipo específico necessita, por isso na Ayurveda não cabem os reducionismos. 

Entendendo a formação dos Doshas 

Em suma, existem 3 Doshas, e cada um representa um tipo de pessoa que se identifica com determinadas coisas, principalmente na alimentação. Para entender qual é o seu Dosha, é necessário procurar um especialista em Ayurveda, isso é muito importante! 

Para mudar a sua vida com a alimentação Ayurveda, é necessário esse diagnóstico inicial, pois ele vai te mostrar quais dos elementos estão em falta dentro de você, e assim você poderá trabalhar a partir disso para colocar o seu corpo em equilíbrio.

Quer ter mais controle sobre a sua vida, e conquistar uma vida plena e feliz, cheia de coisas boas e motivos para sorrir e se alegrar? Faça agora uma consulta do Baralho Cigano e obtenha ajuda para retirar do seu caminho tudo aquilo que te impede de evoluir e conquistar coisas boas!

Quero mudar a minha vida e ter alegria!

Alimentação Ayurveda para iniciantes!

A alimentação Ayurveda se dá a partir das disposições de cada Dosha para os alimentos, cada Dosha se dá melhor com um tipo de alimentação, e é isso que a Ayurveda busca organizar para que as pessoas alcancem um nível de bem estar e alegria. 

Para que fique claro, vou especificar um pouco como se dá uma alimentação Ayurveda, lembrando que deve sempre tomar cuidado, pois esse tipo de alimentação não configura uma dieta, cujo objetivo é emagrecer em pouco tempo, mas sim busca alcançar um estilo de vida. 

Alimentando cada Dosha 

Vata – Ar e Espaço, ou Éter

Esse Dosha precisa pensar numa alimentação balanceada, com alimentos que firmam suas características, como são pessoas mais leves e com relação com o espaço e o ar, devem pensar numa alimentação que varie entre parte pesada como uma carne e saladas, sem que haja elementos amargos. 

Além disso, é sempre necessário que haja muita ingestão de líquidos, como água fresca, sucos naturais com frutas um pouco mais densas, como abacaxi, mamão, morango, até mesmo cupuaçu.

Pitta – formado por Fogo e Água

O Dosha pitta tem um corpo mais em forma, geralmente essas pessoas gostam de treinar e manter o físico em dia, por isso a alimentação exige que haja elementos mais pesados durante o dia, para que haja a queima e o ganho de massa. 

No entanto, durante a noite é necessário que a ingestão seja com alimentos leves para que não atrapalhe o fluxo das energias durante a noite, tudo precisa ser feito de modo que não atrapalhe, principalmente o sono. 

Legumes um pouco mais densos como, couve-flor, brócolis, cenoura, batatas, inhame, são recomendados para esse Dosha, porém, isso não significa que não deva ingerir mais alimentos leves como saladas e legumes que contém bastante água, sempre lembrando de evitar alimentos com excesso de sal e muito apimentados, para não aumentar em excesso o fogo que há naturalmente em sua formação. As características dos seus elementos são: oleoso, leve e quente. 

Kapha – elementos Água e Terra

A Ayurveda sugere que as pessoas desse Dosha evitem ao máximo o consumo de alimentos úmidos e pesados como as massas, arroz, e doces. Justamente por causa da tendência à obesidade, e também porque esses alimentos sobrecarregam nossos canais por onde flui o Prana. 

Esse Dosha precisa se alimentar com alimentos leves e mais secos, como folhas, legumes, carnes brancas e alimentos frios de modo geral, isso certamente vai gerar mais conforto e bem estar para o organismo na hora da digestão. 

Repensando a alimentação para uma vida feliz

O caminho para se pensar numa alimentação que contribua para o pleno funcionamento dos nossos sistemas, se dá a partir de reconhecer os alimentos e saber quais são as suas principais características. 

Por exemplo, pensar em quais alimentos possuem muita água em sua composição, em sua maioria são frutas; alimentos leves e refrescantes, geralmente são frutas, legumes e verduras; Os alimentos úmidos e mais densos, são as massas, arroz, farinhas, carnes e molhos, esses em geral são mais condimentados. 

Apesar de as carnes serem consideradas alimentos densos, as carnes brancas se enquadram numa categoria de alimentos mais leves e que contribuem para uma alimentação equilibrada. 

Conheça os alimentos que você consome

O melhor exemplo disso, é: se alguém do Dosha Vata que é seco e leve, já tem disposição para constipação e o ressecamento no intestino, ingerir a chia sem a hidratar, isso vai prejudicar muito essa pessoa. 

Pois a chia é um alimento que absorve 10 vezes o seu volume em água, então se você consome ela hidratada em sua alimentação, ela entra em seu organismo liberando água e ajudando na digestão e hidratação do seu corpo. No entanto, se você a consome seca, sem hidratar, ela vai entrar no seu corpo e absorver a água de dentro de você, te desidratando e causando desconforto e problemas no seu sistema digestivo. 

Se você é do Dosha Vata, tem que considerar que é constituído por elementos leves e frios, por isso é indicado a ingestão de alimentos quentes e mais densos, como sopas e caldos. 

É importante consumir os alimentos com consciência, para que nossa alimentação seja eficaz e saudável, não são todos os alimentos que servem para o nosso biotipo, e a Ayurveda para iniciantes busca ensinar como aplicar esses métodos no dia a dia.

Ayurveda + Prana = Vedanta

Dessa forma, a Ayurveda para iniciantes busca conscientizar que os problemas de saúde são causados pelo entupimento dos canais por onde flui o Prana, e o entupimentos desses canais se dá pelo acúmulo de substâncias e toxinas absorvidas através da má alimentação. 

O Prana pode ser explicado ou comparado com a Shakti que já falamos uma vez, que diz respeito a uma energia primordial, que permeia todas as coisas que existem, e que também vivifica e dá estrutura para a sua subsistência.

Portanto, se há bloqueio nisso, há dificuldades no desenvolvimento do corpo, alma e espírito para o Vedanta. É necessário entender o corpo como um instrumento de desenvolvimento e evolução, cujo fim é o próprio Vedanta, por isso precisa ser sempre muito bem cuidado.

A Ayurveda é autocura, nos ensina qualidade de vida e a prevenção de doenças, também trabalha com yoga, que é autorealização, e ensina a nos relacionar o corpo, mente e espírito de forma consciente com o universo, e o fim de tudo isso é o Vedanta que é transcendência, autoconhecimento, promove o conhecimento absoluto para a evolução dos outros dois elementos. As 3 se conectam e subsistem uma pela outra. 

Você sente que a sua vida precisa de uma alavancada, precisa ir pra frente de vez? Se sim, você precisa de uma consulta com o Tarot, pois assim como a Ayurveda para iniciantes, as cartas podem te ajudar a desvendar questões da sua vida e te ajudar a encontrar o melhor caminho para uma vida plena e feliz!

Faça já uma consulta do Tarot e tenha uma vida plena!


Assista a esse vídeo e aprenda mais formas de trazer bem estar e equilíbrio para o seu dia a dia:

Rate this post

Estamos Online