São Sebastião – Soldado em nome de Cristo

Santo Sebastião

São Sebastião mesmo em meio a carreira militar foi exemplo de força e dissipação das palavras de Jesus, além disso morreu em nome do Senhor e não negou sua fé diante das autoridades que repudiavam o cristianismo. Nasceu no século IV e atingiu seu auge ao ser canonizado como um Santo na igreja católica.

Abra seus Caminhos AQUI com a Orientação dos Melhores Especialistas em Salmos

Celebra-se em 20 de Janeiro, o dia de São Sebastião, Santo esse que é sincretizado com o Orixá Oxossi no Candomblé e Umbanda.

A História de São Sebastião

Sebastião nasceu na França em 256, e mais tarde mudou-se para Milão na Itália onde cresceu, estudou e optou por seguir a carreira militar como seu pai.

Seu nome é de origem grega, e significa “divino” ou ” venerável”. Ele foi o Capitão da 1ª guarda pretoriana, onde era considerado ilustre, digno e perfeito, isso porque só pessoas com essas qualidades poderiam ocupar vagas do tipo. Sempre dedicou sua vida à carreira, mas em primeiro lugar vinha Jesus Cristo.

Nesta época, o Império Romano era comandado por dois governadores, chamados Diocleciano, – que ficava com a parte oriente – e Maximiano no ocidente. Os dois não sabiam que Sebastião era da crença cristã, por isso desconheciam o fato que ele não participava dos Martírios os festas de idolatria aos Deuses.

Recebeu o título de Soldado do exército, mas o seu verdadeiro título era soldado Cristo, porque foi aquele que lutou em nome Dele, visitando a todos os cristãos presos sempre que podia, ajudando com roupas, comidas, ou tratando dos doentes.

Vale ressaltar, que segundo o Santo Ambrósio de Milão, Sebastião só teria se alistado e seguido a profissão do pai, por uma única e exclusiva intensão: dar força aos cristãos diante a toda tortura que sofriam, para que todos com fé continuassem a acreditar que a Palavra de Deus era a grande salvação.

Todos aqueles que buscam o crescimento espiritual, e contam com a ajuda dos Anjos para conquistar tudo que precisam, seja no âmbito amoroso, profissional ou pessoal, precisa conhecer esse atendimento! Clique Aqui.

Martírio de São Sebastião e recuperação

Maximiano, realizou uma caça contra os cristãos após saber que possuía infiltrados em seu exército. Sobrando somente aqueles legítimos filhos de militares, que era o caso do santo: São Sebastião. Porém mais tarde ele foi denunciado por um jovem soldado, despertando a ira de Maximiano que obrigou Sebastião renunciar a fé, mas o mesmo, negou e continuou a adorar Jesus.

Sebastião foi condenado à morte sofrida, onde todos pudessem ver, foi ordenado a ser amarrado em um poste e morto com flechadas, para sangrar até o fim. Essa crueldade aconteceu e todos os cristãos naquela época que assistiram à cena ficaram com medo.

Todavia uma cristã devota chamada Irene, ao saber que o corpo de Sebastião desfalecido teria sido jogado na estrada, foi ao seu encontro.  Sua surpresa foi tamanha: ele ainda estava vivo mesmo com tantas flechas perfurando o seu corpo, então ela sigilosamente o levou para seu casa e o escondeu para tratar de seus ferimentos.

Recuperação e Segunda martírio de São Sebastião

Depois de recuperado, São Sebastião continuou sua missão de evangelizar em todos os lugares que pode. Ao sentir um chamado em seu peito, decidiu se apresentar a Maximiano pedindo humildemente que parasse de perseguir e matar os cristãos, mas claro que ele não aceitou e se revoltou mais ainda. Então o tirano solicitou que açoitassem Sebastião até a morte e após isso jogassem seu corpo em uma fossa.

Por fim Sebastião faleceu, e em pouco tempo uma jovem cristã chamada Lucina recebeu uma aparição, que pedia para que ela encontrasse o corpo de Sebastião e que fosse enterrado com dignidade.

Sepultamento

Diz a história que Sebastião foi sepultado no jardim da casa de Lucina, – na Via Ápia – onde hoje se encontra a Basílica de São Sebastião, e nas catacumbas também foi construído um templo em sua homenagem.

Simbolismos de São Sebastião

Flechas

Primeira fase da tortura que ele enfrentou.

Árvore

Amarrado especialmente em um carvalho que é símbolo de perseverança e persistência.

Corpo seminu

A humilhação que enfrentou perante a todos.

Pano vermelho

Simboliza o duplo martírio que enfrentou.

Aura

Santidade, devoção e merecimento do amor de Jesus Cristo.

Oração de São Sebastião

Oração 1

“Glorioso mártir São Sebastião, soldado de Cristo e exemplo de cristão, hoje vimos pedir a vossa intercessão junto ao trono do Senhor Jesus, nosso Salvador, por Quem destes a vida.

Vós que vivestes a fé e perseverastes até o fim, pedi a Jesus por nós para que sejamos testemunhas do amor de Deus.

Vós que esperastes com firmeza nas palavras de Jesus, pedi-Lhe por nós, para que aumente a nossa esperança na ressurreição.

Vós que vivestes a caridade para com os irmãos, pedi a Jesus para que aumente o nosso amor para com todos.

Enfim, glorioso mártir São Sebastião, protegei-nos contra a peste, a fome e a guerra, defendei as nossas plantações e os nossos rebanhos, que são dons de Deus para o nosso bem e para o bem de todos.

E defendei-nos do pecado, que é o maior de todos os males.

Amém!”

Novena de São Sebastião

Para a novena deve-se rezar durante os nove dias a Oração abaixo, e finalizar com a Oração Final.

Oração

“Glorioso mártir São Sebastião, valoroso padroeiro e defensor nosso, vós que derramaste vosso sangue e deste vossa vida em testemunho da fé em Nosso Senhor Jesus Cristo, alcançai-nos dEle a graça de sermos vencedores dos nossos infortúnios, que nos fazem viver sem fé, sem esperança e sem caridade. Protegei com a vossa poderosa intercessão todos os desvalidos que a vós recorrem especialmente a mim. Livrai-nos de toda epidemia moral, espiritual e corporal. Fazei que se convertam aqueles que, por querer ou sem querer, são instrumentos de infelicidade para os outros. E que possamos perseverar no mandamento do amor, propagando a Boa Nova do Evangelho, até o triunfo final.

São Sebastião, advogado contra a epidemia, a fome e a peste, rogai por nós. Amém.”

Oração Final

“Ó grande mártir São Sebastião, nas nossas dúvidas orientai-nos! Com vossa espada poderosa, salvai-nos! Da fome e das doenças, afastai-nos! Das setas do maligno, de nossos inimigos visíveis e invisíveis, espirituais e corporais, defendei-nos!

Dos vícios e das drogas, libertai-nos! O caminho da justiça e da verdade mostrai-nos pela Boa Nova de Nosso Senhor Jesus Cristo! Com o sangue precioso que derramastes, lavai-nos! Santo guerreiro da justiça e da vida amparai-nos, sobretudo nas horas de perturbação e desânimo! Das secas, tempestades, tsunamis, terremotos, alagamentos, pestes e guerras, livrai-nos! Com a luz do Amor de Deus, transformai-nos!

Do medo, da violência, dos assaltos, arrombamentos, acidentes de trânsito e balas perdidas, protegei-nos!

A nossa grande necessidade, apresentai a Nosso Senhor Jesus Cristo para que sejamos atendidos, se for conforme a divina vontade ( Pede-se).

Na hora de nossa morte, serenai-nos e conduzi-nos em Vossa companhia ao Reino celestial! Amém.”

São Sebastião, santo da igreja católica serviu como exemplo de amor e devoção. Que através de sua bondade todos os fiéis possam encontrar a paz e a justiça em seus caminhos.

Aproveite e confira também outros artigos relacionados a Santos aqui em nosso blog:

Vença Seus Desafios de Vida Com a Ajuda de Esotéricos Experientes

São Sebastião – Soldado em nome de Cristo
5 (100%) 1 vote[s]