Início Espiritualidade Umbanda e Candomblé Conheça os mistérios de Oxumaré – O Orixá Serpente e Arco-Íris

Conheça os mistérios de Oxumaré – O Orixá Serpente e Arco-Íris

0
50052
Orixá Oxumaré

O Orixá Oxumaré (também conhecido como Oxumarê) representa a cobra arco-íris, que traz as características do animal como a mobilidade, agilidade e destreza. Ele mora no céu e viaja através do arco-íris para a Terra. Além disso, ele representa a fortuna, abundância, prosperidade e riqueza que são realizações importantes para o seu povo.

Oxumaré é o caminho da felicidade e ele, e outros Orixás podem de ajudar em qualquer que seja o assunto que necessita. Confie na energia natural desses seres divinos e veja o que eles tem a dizer sobre sua vida e seu futuro por meio do jogo dos Búzios. Clique aqui!

Na língua iorubá (yorubá), falada por muitos povos na África, seu nome tem uma grafia diferenciada, Òsùmàrè. No Brasil, o Orixá é conhecido com representatividade masculina embora algumas pessoas o relacionem a Oxum. Porém, sua conexão com o universo feminino se dá através da sua irmã gêmea, Ewá e em diversas representações ele, como uma cobra, enrola-se ao redor do corpo dela para protegê-la.

Oxumaré representa a junção entre o masculino e o feminino, união que possibilidade a existência da vida, a água e a terra, a mortalidade e a imortalidade e tudo o que é duplo, ambíguo e opostos que se complementam. Ele é uma grande cobra que envolve a Terra com a sua cauda e assegura a integração do planeta e a renovação do universo regendo as transformações.

Quer conhecer também sobre o que se trata Macumba ou Orixás de Cabeça? Leia estes artigos também em nosso blog!

Receba as Mensagens Divinas Dos Orixás Por Especialistas em Jogo de Búzios Online. CLIQUE AQUI

 

História de Oxumaré

Há duas histórias sobre o nascimento do Orixá, são elas:

Primeira História sobre o nascimento de Oxumaré

Apesar do desentendimento entre Nanã e Oxalá devido ao abandono de Omulu, seu filho que nasceu com chagas, o casal gerou mais uma criança dessa vez Oxumaré. Mas devido a praga jogada em Nanã, Oxumaré também nasceu com problemas de formação, sem braços e pernas, como uma serpente, ele rastejava pelo chão como o réptil, mas a sua forma era humana. Mais uma vez decepcionada, Nanã abandonou seu filho.

Ao contrário de Omulu, Oxumaré não precisou da ajuda de ninguém para se manter, muito ágil e sábio o Orixá logo aprendeu a sobreviver caçando, nadando e subindo em árvores quando preciso. Ele até plantava sua comida favorita, a batata doce. Orunmilá, o Orixá da profecia, observou o menino e se apiedou do garoto, o tornou um dos Orixás mais belos e o encarregou de levar e trazer as águas dos céus ao palácio de Xangô. Por esse motivo é que pedimos a Oxumaré por chuvas.

Segunda História sobre o nascimento de Oxumaré

Há outro mito que diz que quando Nanã engravidou, Orunmilá a visitou e disse para ela não se preocupar, pois o seu filho nasceria perfeito, na verdade seria um dos Orixás mais belos. Mas como castigo pelo seu ato com Omulu, ela nunca conseguiria viver ao lado do filho, pois ele seria muito ativo e não se apegaria a ninguém facilmente.

A História de como Oxumaré representa o Arco-Íris

Oxumaré, muito conhecido por todos por sua destreza e sabedoria era chamado de Babalawô – o Pai de todos segredos – ele foi chamado pelo Rei de Ifé para prestar serviços à ele. O Rei muito altivo, pagava pelos serviços do Orixá somente com esmolas, que não serviam de nada para Oxumaré. Ele acreditava que só de poder prestar serviços para a figura mais importante de Ifé, já era uma honra, e por isso Oxumaré deveria ser grato.

Mas a quantia que recebia pelos serviços era tão pouca que o Orixá estava passando por necessidade, e com os grandes pedidos do Rei, ele não tinha tempo para fazer nenhum outro serviço. Foi então, que decidiu consultar Ifá para saber a melhor forma de proceder. O Rei, ao saber que Oxumaré estava insatisfeito com o que recebia, pediu para chamá-lo e disse que não o queria mais, considerando a atitude do Orixá como uma ingratidão.

Na mesma época, Olokun Seniade, que representa a prosperidade e riqueza, estava a procura de um Babalawô que pudesse lhe orientar em como ela poderia ter filhos, pois não conseguia engravidar. Vários a visitaram mas nenhuma orientação surtia efeito. então, ela ficou sabendo que Oxumarê não prestava mais serviços para o Rei de Ifé e pediu que um mensageiro o buscasse. Oxumaré a orientou a fazer uma oferenda que assim ela teria lindos filhos, todos muito fortes. O Orixá acertou a previsão e muito grata pelo serviço, Olokun o presenteou com o que tinha de mais valioso: sementes de dinheiro e um belo tecido colorido.

Olokun disse para Oxumaré que sempre que ele usasse o pano, as cores se espelhariam no céu, lembrando a todos de sua majestosa e alegre presença. Oxumarê costuma usar o tecido sempre que desce as águas do céu em forma de chuva para o palácio de Xangô, por isso em dias belos mais chuvosos as cores de Oxumaré se espelham tão fortes no céu em formato de Arco-Íris.

Qualidades de Oxumaré

Esse Orixá pode se apresentar na forma masculina ou feminina, sendo ela serpente ou arco-íris. As formas de serpente costumam ser femininas e as de arco-íris masculinas. Veja abaixo alguns de seus nomes:

Vodun AzaunodorOxumaré representado como um príncipe branco e está relacionado com o passado;
DanCobra que participou da criação da humanidade, na forma humana é muito generoso, está relacionado as chuvas e a riqueza, abundância.
Vodun Frekuené uma serpente venenosa, representa seu lado feminino
Vodun DangbéOrixá velho e pai de Dan. Muito inteligente e esperto, é governador do movimentos dos Astros, costuma fazer adivinhações.
Vodun BessenGuerreiro generoso e ambicioso. Apresenta-se de branco com uma espada, é dono do terreiro Bogun.

Oferendas para Oxumaré

Os Orixás gostam de receber comidas como oferendas. Com Oxumaré não é diferente.

IMPORTANTE: toda oferenda deve ser orientada por alguém responsável do Candomblé ou Umbanda, cada Orixá possui suas peculiaridades que devem ser respeitadas e guiadas por quem os conhecem após anos de prática na religião.

Batata Doce para Oxumaré

Ingredientes: 500 gr de batata doce, feijão fradinho e dendê.

Modo de Preparo: cozinhe a batata doce e a descasque. Após o processo, adicione dendê e a amasse até formar uma pasta homogênea. Divida essa pasta em duas partes iguais e molde duas serpentes com elas em um formato de circunferência, uma com a cabeça na direção do rabo da outra. Faça os olhos das serpentes com o feijão fradinho e decore o corpo delas com ele se preferir. Regue com mais dendê e ofereça ao Orixá.

Velas brancas podem acompanhar a oferenda.

Inhame Especial para Oxumaré

Ingredientes: Dendê, coco, mel, 1 inhame grande, feijão fradinho, milho vermelho, cebola e camarão seco socado.

Modo de Preparo: cozinhe separadamente o feijão fradinho só em água e em outra panela o milho vermelho só em água. Refogue no dendê a cebola com o camarão seco socado. Em metade de um alguidar, coloque o feijão fradinho cozido e na outra parte, preencha toda com o milho vermelho também cozido. Coloque o refogado por cima, o inhame deverá ser cortado em fatias e frito, sendo acrescentado por cima de tudo. Acrescente o coco e para finalizar, regue com bastante mel.

Sabia que as energias dos Orixás estão presentes nos caminhos dos Odús? Encontre o direcionamento que precisa por meio dessas divindades na Cabala dos Odús, clique aqui e descubra como ela pode te ajudar!

Dia de Oxumaré

A Terça-feira é o dia dedicado ao Orixá. E o dia em sua comemoração é 24 de agosto.

Cores de Oxumaré

Todas as cores do arco-íris são atribuídas a Oxumaré e suas vestimentas são amarelas e verdes.

Características dos Filhos e Filhas de Oxumaré

Os filhos de Oxumaré, não têm medo da mudança, na verdade eles buscam pelo novo, podendo ser em carreira, ciclo de amizades, moradias. A incerteza e a coragem de arriscar fazem parte de suas vidas e eles estão sempre se sacrificando para assim começarem um novo ciclo incerto, mas que trazem a eles muita motivação e felicidade.

Eles não conseguem parar, mantém-se agitados o tempo inteiro, costumam ser pessoas magras com dificuldade de engordar. Por causa das características das cobras, seus filhos têm dificuldade de “enxergar” o verdadeiro valor das coisas e acabam se apegando a bens materiais. E não só os adquirem, como gosta de mostrar a todos que os conseguiu, eles possuem paixão por suas riquezas.

São guerreiros e esforçados, não fogem da luta para poderem alcançar o que almejam. Apesar da grande agitação são extremamentes pacientes para esperar pelas oportunidades e “dar o bote” para agarrar o que desejam.

Sincretismo de Oxumaré

No catolicismo, o sincretismo desse Orixá é São Bartolomeu, cuja data de celebração é 24 de agosto. E é cultuado tanto no Candomblé quanto na Umbanda, ambos caminhos que nasceram na África e vieram para o Brasil.

Oração para Oxumaré

“ARRUMBOBÔ OXUMARÉ ORIXÁ

AXÉ AGÔ MI BABÁ, AGÔ AXÉ, SALVE

Adorada cobra de Daomé,

Salve as sete cores que te revelam no céu,

Salve a água, salve a terra,

Cobra de Dan, proteja-me, Senhor,

Dos movimentos dos astros,

Da rotação e da translação de tudo,

O que nasce, o que se transforma,

Oxumaré (fazer o pedido), tu que és,

Orobóros e Deus do Infinito, faça com que meu dinheiro

Se multiplique, com que meu suor vire riqueza,

Que eu vença e que ninguém se oponha a mim,

Creio em ti, Babaê,

Sei que já estou vencendo!”

Saudação a Oxumaré

Arroboboi Oxumarê!

A saudação tem o significado de “Salve o Senhor do Arco-íris” ou “Salve o Senhor dos Ciclos”.

Oxumaré é a presença de tudo que é contraditório, mas que se completam. O movimento do planeta e as nossas vidas estão nas mãos desse lindo Orixá que não se cansa da vida e de sua beleza.

Receba Aqui as Melhores Orientações Transmitidas Pelo Poder Dos Odús