Tudo Sobre O Orixá Olokun – O Senhor Do Mar

0
7603
orixá olokun

Sua vida é envolta em mistérios, não há muito o que dizer sobe Olokun, este Orixá carrega diversos segredos como a profundeza do Oceano, onde ele faz a sua morada.

Receba as Mensagens Divinas Dos Orixás Por Especialistas em Jogo de Búzios Online. CLIQUE AQUI

Na cultura africana, Olokun possui diferentes representações, em alguns locais ele possui características do sexo masculino (Yorubá) e em outras, do feminino (Ifé). Mas em todas suas formas ele tem o corpo metade peixe e metade homem.

Enquanto o homem não compreender os verdadeiros mistérios escondidos no mais profundo mar, será impossível desvendar mais detalhes sobre este Odú, muito respeitado tanto na Umbanda quanto no Candomblé.

História de Olokun

Em qualquer que seja a religião afro, sabe-se que foram das águas de Olokun que toda a vida se originou. Por ser muito reservado seu temperamento é compulsivo e violento, por isso ninguém ousa irritá-lo e a ele devemos todo o respeito. Sendo assim, ele é considerado em todas as nações de religião afro, como o mais temido e perigoso dos Orixás.

Uma das histórias de sua vida e demonstração de sua grande ira, é representada pelo dilúvio, onde em um acesso de fúria e demonstração de seu poder contra Olorum, Olokun quase destruiu toda a humanidade ao agitar as águas dos Oceanos. Para contê-lo foi necessário que o prendessem acorrentado no fundo do Mar.

Olokun é também o símbolo da saúde e da riqueza, ambas com uma energia misteriosa e que podem surgir e sumir com muita facilidade.

Este Orixá é cultuado em algumas Casas tradicionais, mas não possui cânticos no Xirê, não há iawos para este Orixá e ele é homenageado durante a festa de Iemanjá.

Os espíritos que vivem com Olokun

Em sua ferramenta habitam dois espíritos: Acaro (representação da morte) e Samugagawa (representação da vida). Eles mostram como Olokun é tão poderoso, ocupando assim o segundo lugar do Panteão Yorubá.

Sua comunicação é realizada através de Iemanjá, ele não se pronuncia de outra forma.

Oferenda para Olokun

Suas comidas preferidas são: tiras de banana verde frita, porco frito e akará. Apesar disso, é aconselhável apenas que pessoas iniciadas em cultos de Candomblé e nações africanas façam essas oferendas, pois é preciso muito respeito e cautela para se chamar a energia de Olokum.

Cores de Olokun

Suas principais cores são: branco, verde claro e azul.

Características dos Filhos e Filhas de Olokun

Olokun não faz cabeça das pessoas, ele somente se assenta. Por isso aqueles que provavelmente seriam filhos de Olokun, são feitos Yemanjá.

Sincretismo de Olokun

Olokun não possui sincretismo, esse pode ser um fator que indica o porquê ele não é tão cultuado no Brasil.

Oração a Olokun

“Eu saúdo a Senhora dos Oceanos.

Eu saúdo a Senhora dos Oceanos cuja grandiosidade não me cabe entender.

Olokun, minha fé é tão grande quanto a quantidade de água existente nos mares.

Da mesma forma

Permita que haja paz em meus caminhos!

Olokun, espírito imutável

A quem reverencio com muito respeito!

Axé, axé, axé!”

 

Original

“IBA OLOKUN FE MI LO’RE

IBA OLOKUN OMÓ RE WA SE FUN OYI O

OLOKUN NU NI O SI O KI E LU RE YE TORAY

B’OMI TA ‘AFI

B’EMI TA’AFI

OLOKUN NI ‘KA LE

MO JUBA

ASE, ASE, ASE!”

Saudação a Olokun

Maferefun Olokun! – Louvado seja Olokun!

Mistério, poder, força, riqueza e saúde, esses são os principais atributos do Orixá Olokun, embora não muito cultuado em nosso país, ele é reconhecido e merece todo o respeito, pois este Odú representa o segundo mais importante lugar do Panteão Yorubá.

Receba Aqui as Melhores Orientações Transmitidas Pelo Poder Dos Odús