Início Espiritualidade Gnomos existem? Tem um morando no meu quintal?

Gnomos existem? Tem um morando no meu quintal?

Gnomos existem

Com seus chapéus pontudos e barbas brancas e espessas, quase todo mundo reconhece essa criaturinha encantadora e misteriosa. Mas afinal gnomos existem?

Os gnomos são um dos mais antigos mitos sobreviventes relacionados à natureza. Se você adora essas criaturas lendárias, veio ao lugar certo! Vamos falar tudo sobre eles!

Gnomos existem ou são ficção?!

Gnomos – aquelas miniaturas humanas com barbas longas – são seres míticos com um passado estranho e interessante. A palavra “gnomo” vem do latim gnomus, que tem raízes nos antigos termos relacionados a conhecimento do tesouro escondido e morador da terra.

O gnomo tradicional está intimamente ligado à mitologia dos elementos clássicos (Terra, Fogo, Água e Ar). São considerados os protetores noturnos da Terra, da natureza e tudo que é vivo.

Reza a lenda que os gnomos vivem no subsolo, onde protegem a fauna e a flora. Além do mais, esse é o local mais seguro para guardarem seus tesouros. Supostamente, raios de sol poderiam transformar um gnomo em pedra (será que é por isso que tem tantas estátuas de gnomos no jardim da casa da minha mãe?!).

A maior parte do folclore que se refere a seres semelhantes a gnomos tem origem principalmente em países europeus, como:

  • Alemanha, com seus gnom;
  • Islândia, com os voettir;
  •  Irlanda, com seus famosos leprechauns;
  •  Suíça e França com os assustadores barbegazi;
  • Países da Escandinávia com os tomte ou nisse.

Gnomos Existem

Tradicionalmente, os gnomos eram responsáveis ​​por muitos dos processos ocultos da flora e fauna, sendo considerados símbolos importantes para os agricultores do norte da Europa.

Logo, não é difícil de imaginar o motivo de vermos tantas decorações de gnomos em nossos jardins e em áreas relacionadas à natureza. Essa prática começou em 1800 e perdura até hoje.

Mas e aí, eles existem? Para mim, sim (e para muitos também!)

Gnomos existem e estão sendo aprisionados?

Para quem acredita na existência desses elementos que fazem a manutenção da vida na Terra, podemos dizer que a prática do gnomo na garrafa é uma tremenda crueldade. Pensa comigo, você gostaria de ficar presa em uma garrafa realizando desejos de uma pessoa?

Lembrou dos “gênios da lâmpada”? É mais ou menos isso. Só que o ser livre e que tanto aprecia a vida, está preso contra a vontade. Entretanto, para aqueles que acreditam, mas acham impossível prender um elemental, acham que trata-se apenas de uma decoração.

De qualquer forma, vemos pessoas comprando os gnomos na garrafa, colocando pires com leite e pedaços de frutas para satisfazê-los. Minha opinião: eu deixaria eles bem longe de garrafas e trataria de alimentá-los livremente em meu jardim, afinal, eles são forças da natureza.

Gnomos existem e são coloridos!

Quando era criança, eu tinha uma coleção de mais de uma dezena de esculturas de gnomos. A coleção começou com a minha mãe e, pro final, era eu quem comprava mais e mais gnomos.

Tínhamos de todas as cores e a minha meta era ter todas as cores do arco-íris. O que eu não sabia na época é que cada um tinha um significado e atraía uma energia diferente.

  • Gnomo verde: sorte;
  • Gnomo amarelo: dinheiro, abundância;
  • Gnomo vermelho: paixão;
  • Gnomo rosa; amor;
  • Gnomo lilás (roxo): paz;
  • Gnomo azul: calmaria;
  • Gnomo laranja: criatividade

Cada um tinha um nome e uma função, mas eu apenas queria que eles ficassem juntos para terem uns aos outros como família. Vez ou outra, eu deixava um pedacinho de biscoito, uma gotinha de mel ou até mesmo “esquecia” meu copo de leite perto deles.

Meus gnomos foram muito bem tratados, tinham um jardim lindo, mas preferiam ficar em casa mesmo. Segundo minha avó, lá era mais quente que na rua e eles precisavam se abrigar.

Por fim, só posso dizer que tive uma infância mais feliz com eles, mesmo sem saber exatamente se gnomos existem e o que eles poderiam fazer por mim.

Gnomo de verdade é uma força da natureza! Liberte-os!

Gnomos existem

Sim, muitos acreditam fielmente no poder dos gnomos e que eles não podem viver em cativeiros (muito menos em garrafas). Jardins seriam equiparados a “zoológicos de pobres gnomos”.

Dessa forma, um grupo despretensioso de pessoas, tanto nos EUA quanto na Europa (mais especificamente na França) decidiu libertar todos os gnomos que encontrassem.

E foi aí que começou a captura de gnomos de jardim para serem libertados na natureza. Tá achando que é brincadeira?  Então dá uma pesquisada no termo “Front de Liberation des Nains de Jardins” e ative o Google tradutor.

Seja por um tédio interminável da juventude francesa ou por um ideal real, visando o bem-estar dos pequeninos, esse grupo existe e já roubou muitos gnomos.

E o que eu acho: gnomos existem?

Sim, eu acredito em gnomos e qualquer outro elemental. Aliás, isso faz da minha vida algo mais alegre. Gosto da ideia de espíritos livres atuando em prol da natureza como um todo. Também gosto de fazer as pequenas oferendas agradecendo o imenso trabalho que eles têm tido conosco, pessoas que consomem o meio ambiente sem dó nem piedade.

E você, acredita em gnomos de verdade, duendes e fadas? Deixe seu comentário aqui embaixo! E se quiser conversar um pouco mais sobre essa área de espiritualidade e precisar de uma ajuda, pode contar com a ajuda dos nossos médiuns!

Grande abraço e até a próxima!

5/5 - (1 vote)