Início Espiritualidade Socorro! Estou com encosto espiritual. E agora?

Socorro! Estou com encosto espiritual. E agora?

0
1102
encosto espiritual

Você já ouviu falar em encosto espiritual? Acredita que pode ter um atrapalhando a sua vida e por isso as coisas não estão dando certo?

Nesse texto nós vamos contar o que é um encosto, como ele se prende a uma pessoa e como se livrar dele. Dessa forma, você pode se blindar desse problema e evitar dores de cabeça no futuro.

O que é um Encosto Espiritual?

Nós, seres vivos, estamos em um plano físico com a sorte de viver e experimentar destinos diversos. Ou seja, todos nossos dias são pautados por escolhas: hoje vou de carro ou de bicicleta para o trabalho? Vou ser feliz não importa o que aconteça ou posso me deixar levar pela tristeza? Vou ajudar alguém ou vou me colocar em primeiro lugar?

Já os encostos espirituais estão em um plano diferente do físico, estão no plano espiritual. Sendo assim, são espíritos que ainda não evoluíram e que se alimentam de nossas energias e até mesmo de nossas tristezas. E esses encostos podem atuar de várias formas em nossas vidas, nos prejudicando e afetando nosso dia a dia.

Quem são eles? 

O encosto espiritual, normalmente é uma alma  que não aceita seu desencarne ou simplesmente não tem consciência de que isso aconteceu. Além disso, esses espíritos menos evoluídos são resultado de vidas terrenas pouco frutíferas.

Ou seja, foram pessoas que tinham vícios, que eram muito egoístas e que não praticavam o bem.  Dessa forma, ele fica vagando nessa dimensão a procura de energias para se alimentar.

Nós retiramos energia dos alimentos para sobreviver, já os espíritos retiram energias de outras fontes. Por exemplo, um espírito elevado retira energia do universo, das boas vibrações.

Entretanto, um espírito menos elevado não consegue se nutrir dessas energias, pois suas vibrações são muito baixas. Por isso, ele precisa se alimentar da energia dos encarnados.

Ou seja, até que tenham consciência e procurem pela evolução espiritual, eles ficaram nesse ciclo de “encostar” em  alguém para se alimentar.

Existe encosto vivo?

Sim! Esses são os famosos vampiros, ou sanguessugas, de energia! Essas são aquelas pessoas, por exemplo, que quando estão perto de você lhe deixam exaurido, cansado e sem ânimo. Já ouviu falar no “Seca-pimenteira”? É essa pessoa.

E não é só na sua presença que isso acontece. Ou seja, quando essa pessoa fala mal de outra, deseja que coisas ruins aconteçam, que propagam o mal e a violência, elas podem tirar energia, mesmo a distância.

O mais curioso é que você pode ser o encosto “vivo” de alguém, do mesmo modo. Dessa forma, quando se tem pensamentos maus, desejando que a outra pessoa sofra, você está retirando energia dela.

Procure não ser o encosto de alguém para evitar ganhar encostos espirituais. Aliás, como identificar se estamos sendo atacados ou não?

Encosto espiritual: sintomas

Através da auto observação, você consegue perceber as alterações de humor e vitalidade. Ou seja, as coisas vão acontecendo de forma muito sutil até se tornar uma carga pesada demais.

Abaixo listamos algumas características de uma pessoa que está sob ataque de um encosto espiritual. Acompanhe.

  • Acordar cansado, mesmo que tenha dormido bem;
  • Ter pesadelos;
  • Ter esgotamento físico e mental, mesmo que descansado;
  • Dores no corpo, mesmo que esteja saudável;
  • Perder o controle sobre vícios;
  • Brigas constantes e sem motivo relevante com pessoas que você ama.

Se você tem algum desses sintomas, é bom considerar a probabilidade de estar com um encosto. Entretanto, de quem é a culpa de você estar com esse encosto espiritual em sua vida?

Quem é o culpado?

Você. Você é o culpado por atrair esse tipo de espírito. Ou seja, suas escolhas e seu estilo de vida atraem o mesmo tipo de energia que você vibra.

Um encosto espiritual só “encosta” em você por estarem vibrando a mesma coisa, em sintonia. Sendo assim, um encosto tem vibrações baixas, logo, ele só consegue se unir a encarnados que vibrem na mesma frequência baixa.

Segundo a Escala de Consciência de Hawkins, as emoções que vibram mais baixo são:

  • Raiva (150 Hz);
  • Apego (125 Hz);
  • Medo (100 Hz);
  • Tristeza (75 Hz);
  • Apatia (50 Hz);
  • Culpa (30 Hz);
  • Vergonha (20 Hz);

Se você acredita que o encosto resolveu adotar você por terem feito um trabalho espiritual, lembre-se que ele só fica se vocês vibrarem na mesma frequência. Ou seja, se você estiver feliz, contente, vibrando só coisas boas, ele vai passar por você e nem vai ver.

Agora, você já sabe o que é um encosto espiritual e como identificar quando está sendo atacado por um. Que tal aprender a se livrar dele?

Sai de mim, encosto!

Encosto espiritual: como se livrar dele? Certamente, essa é a pergunta que mais ouvimos. Pensando nisso, separamos as melhores dicas para ajudar você nesse momento tão difícil.

  • Faça um banho de defesa. Inclusive, até gravamos um vídeo ensinando como fazer, confira!

  • Fuja das fofocas! Elas atraem energias negativas e você já sabe o que energia negativa atrai, não é mesmo?
  • Tenha plantas que atraiam a positividade. Inclusive, nossos amigos do Astrocentro ensinam a usar plantas positivas no Feng Shui.
  • Elimine pensamentos tristes;
  • Tenha uma pedra amazonita junto com você, como ensinou o pessoal da Astrocentro;
  • Carregue um amuleto com você sempre; 
  • Faça a Cerimônia do Fogo para proteção espiritual;/
  • Mentalize sequencias numéricas de proteção do Grabovoi
  • Faça boas ações, como doar roupas e alimentos;
  • Pratique meditação;
  • Tenha sempre pensamentos positivos.

Procure sempre fazer o bem para vibrar boas energias. Ou seja, afaste pensamentos ruins e sentimentos de posse, buscando estudar e compreender a espiritualidade.

Dessa forma você se torna espiritualmente mais elevado e evita que esse tipo de coisa aconteça novamente.

Gostou da matéria? Tem algum relato ou dica que queira dar para se livrar de um encosto? Escreva aqui nos comentários que nós teremos prazer em ler!

Se você gosta de espiritualidade, experimente ler os seguintes artigos:

Abraços e até a próxima! 🍀