Início Astrologia Entenda mais sobre o que é o ocultismo

Entenda mais sobre o que é o ocultismo

0
6517
oculto

O ocultismo possui diversas vertentes, por isso que ele é considerado um conjunto vasto de diversas culturas, crenças e doutrinas. Engloba não só tradições primordiais mas também tenta encontrar a origem de todas as religiões, pensamentos e filosofias. Ele afasta tudo aquilo que tenta lhe contradizer e segue em busca a um caminho confiável e também completo.

A Espiritualidade te Ajudará a Superar Desafios e Alcançar seus Objetivos. Clique Aqui e Comece Agora seu Atendimento

 

Pela sabedoria que carrega esse estudo, ela é reverenciada também por figuras como o mago, porque nas antigas culturas acreditam-se que um mago já conhecia a maior parte das descobertas que a ciência obteve. O oculto não só estuda os fenômenos sobrenaturais, mas tenta entender como esses acontecimentos se assemelham com os ideias das ciências.

O que é ocultismo?

Originário da palavra em latim “occultus”, significa clandestino, escondido ou ainda secreto. É algo que se relaciona com um conhecimento aprofundado do oculto. Já na língua inglesa, o oculto é algo paranormal. Assim para cada ramo de estudo o conhecimento se deriva, concluindo que a maioria dos praticantes ocultistas estudam um tipo de realidade espiritual, enfatizando que isso é estudado por apenas pequenos grupos de pessoas, porque todo o conhecimento deve ser mantido em segredo.

Exemplos de ciências ocultas

Alquimia: arte que vai muito além das mudanças e transmutações dos metais;

Astrologia: o estudo dos astros e as influências que eles provocam na vida das pessoas;

Levitação: conseguir se erguer do solo sem uma razão visível, somente com a força mental;

Cabala: ensinamentos relacionados com Deus, universo, homem, criação, vida e morte;

Telepatia: comunicação entre duas mentes.

Essas são algumas de muitas ciências que existem dentro do campo do ocultismo.

Ocultistas influenciadores

Aleister Crowley

Se juntou a orgem Hermética da Aurora Dourada, onde estudou astrologia, cabala, maçonaria, alquimia e Tarô.

Eliphas Levi

Ligado a obra Dogma e Ritual de Alta Magia, que hoje é considerado uma das referências mais importantes do ocultismo.

Papus

Fundados da Ordem martinista, com a ideia de que o homem precisava se redimir de seu pecado original e só assim alcançaria as condições divinas.

Hekena Blavatsk

Depois de percorrer a Grécia, Egito, Canadá e Estados Unidos, criou a Sociedade Teosófica.

Charles Leadbeater

Foi discípulo de Helena Blavatsky, alcançando a “consciência astral”. Iniciado a Maçonaria e tornando-se mais tarde Bispo.

Annie Besant

Participou de vários grupos de ocultistas, dedicando boa parte de sua vida ao ativismo social e político.

Alice Bailey

Estudou meditação, astrologia e psicologia, segundo a história, a entidade Khul passou todo ensinamento para Bailey.

Esses são alguns de diversos ocultistas que se dedicaram para entender o inexplicável.

Existem religiões que apenas algumas pessoas conseguem chegar nos conhecimentos e práticas profundas, isso porque é considerado que esses tipos de explicações podem ser perigosas para uma comunidade ou até mesmo para a humanidade.

Além de muitas outras religiões que acreditam que devem poupar e proteger as pessoas dos rituais ocultos, porque qualquer deslise ou falta de sabedoria pode colocar tanto a saúde mental quanto física em risco. É preciso de muito estudo e percorrer o caminho do autoconhecimento para as realização dos rituais.

Outro grande foco é entender quais são as origens das orientações divinas para cada ritual, e para que eles são direcionados, mas isso ainda é uma incógnita não só para os fãs dessa ciência mas também para diversos ocultistas.

Fale AGORA com um Esotérico Online e Comece a Direcionar Melhor a sua Vida