Início Coluna Juliana Viveiros Luta contra a intolerância Religiosa – Oração pela paz mundial e Simpatia...

Luta contra a intolerância Religiosa – Oração pela paz mundial e Simpatia para união

Intolerância Religiosa

Índice – Intolerância Religiosa

Falar sobre intolerância religiosa é lembrar da importância do amor, empatia, compreensão e principalmente respeito.

Esses sentimentos nos levam a uma música muito conhecida de John Lennon

“Nothing to kill or die for

And no religion too

Imagine all the people

Living life in peace”

Cuja a tradução diz: 

“Nada para matar ou razão para morrer

E nenhuma religião também

Imagine todas as pessoas

Vivendo a vida em paz!”

“Imagine” (JOHN LENNON, 1988)

Você já imaginou se não existisse o ódio? Se todos pudessem compreender as inúmeras crenças e religiões do mundo? E ainda, se não houvesse esse entendimento, já pensou se pelo menos houvesse respeito? Pois é, o mundo seria muito melhor!

Esse artigo tem como objetivo enaltecer o dia Dia Nacional de Combate à Intolerância Religiosa, constituída no dia 21 de janeiro de 2007. Também entender como a religião pode ser exemplo de amor para todos. 

O que é intolerância religiosa?

A intolerância religiosa se caracteriza quando um indivíduo ou instituição não aceita a religião ou crença de outro indivíduo ou instituição.

Esse sentimento pode ser manifestado de diversas maneiras, como por exemplo: agressões físicas, verbais, críticas, dissipação do ódio, ataques e até assassinato. 

Não para por aí! Em uma pesquisa feita pelo Ministério da Mulher, a religião que mais sofre esse ataque são de raízes africanas, isto é, geralmente a umbanda ou candomblé. 

Por isso, além de respeitar a todos, independente da sua crença, precisamos entender que só o amor pode salvar o mundo e aproximar a todos.

Oração pela paz mundial

Senhor Deus de Paz, escutai a nossa súplica!

Tentamos tantas vezes e durante tantos anos resolver os nossos conflitos com as nossas forças e também com as nossas armas; tantos momentos de hostilidade e escuridão; tanto sangue derramado; tantas vidas despedaçadas; tantas esperanças sepultadas…

Mas os nossos esforços foram em vão.

Agora, Senhor, ajudai-nos Vós! Dai-nos Vós a paz, ensinai-nos Vós a paz, guiai-nos Vós para a paz. Abri os nossos olhos e os nossos corações e dai-nos a coragem de dizer: “nunca mais a guerra”; com a guerra, tudo fica destruído!

Infundi em nós a coragem de realizar gestos concretos para construir a paz.

Senhor, Deus de Abraão e dos Profetas, Deus Amor que nos criastes e chamais a viver como irmãos, dai-nos a força para sermos cada dia artesãos da paz; dai-nos a capacidade de olhar com benevolência todos os irmãos que encontramos no nosso caminho.

Tornai-nos disponíveis para ouvir o grito dos nossos cidadãos que nos pedem para transformar as nossas armas em instrumentos de paz, os nossos medos em confiança e as nossas tensões em perdão.

Mantende acesa em nós a chama da esperança para efetuar, com paciente perseverança, opções de diálogo e reconciliação, para que vença finalmente a paz. E que do coração de todo o homem sejam banidas estas palavras: divisão, ódio, guerra!

Senhor, desarmai a língua e as mãos, renovai os corações e as mentes, para que a palavra que nos faz encontrar seja sempre “irmão”, e o estilo da nossa vida se torne: shalom, paz, salam! Amém.

Papa Francisco, Jardins do Vaticano, 08 de junho de 2014

Simpatia para união e afastamento de brigas

Material: papel branco, pires branco e uma vela branca.

Modo de fazer: Escreva o nome das pessoas que estão com algum desentendimento, briga ou desrespeito. 

Embaixo escreva as palavras: carinho, união e felicidade.

Dobre o papel 7 vezes e coloque embaixo do pires branco. Acenda a vela dedicando a chama para o anjo da guarda de cada pessoa. 

Após a vela acesa, rege para São Cosme e Damião pedindo intercessão e união dessas pessoas. Que haja respeito, compreensão amor e união. 

Reze um Pai-Nosso e um Ave-Maria e depois que a vela queimar. Enterre o papel em um jardim ou vaso com flores.



Deixo vocês com essa reflexão maravilhosa:

 

Até a próxima, seres de luz!✨

Juliana Viveiros.

Rate this post